Sites Grátis no Comunidades.net

Ninjutsu Moderno 忍術


Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Google-Translate-Portuguese to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
Votação
Em que aspecto o site está melhor elaborado?
Aprendizagem
Imagens/Apresentação
Extensão de informação
Facilidade de navegação
Ver Resultados

Rating: 2.8/5 (1070 votos)



ONLINE
1


Frase da Semana - “A vitória pertence àquele que acredita nela, e àquele que acredita nela por mais tempo.” - Pearl Harbor

Sistema e Filosofia

 Logo Engrenagem

O que é Ninjutsu Moderno?

 
É uma combinação entre o Ninjutsu tradicional, actualizado para ser eficaz nos tempos de hoje, e outras artes/sistemas. Neste sistema, aprendem-se muitas habilidades, não só de "luta". Primeiro, tentamos construir bases à volta das "forças e fraquezas" do praticante:

Uma arte marcial típica já tem em si definido do que é composta. O estilo, Tae Kwon Do, Wing Chun, Hapkido, Aikido, Karate ou Judo, já vem "dentro da embalagem". Quando o aluno chega, o trabalho do instrutor é ensinar-lhe o conteúdo dessa embalagem e fazê-lo moldar-se às respectivas especificações. Esta é a maior razão porque o Ninjutsu Moderno não é uma mera Arte Marcial. Em vez disso, é como uma ciência, em que se trabalha para se desenvolver à volta da embalagem do praticante, procurando não criar guerreiros monótonos.  

Este sistema de treino consiste em técnicas de artes marciais que preparam o praticante para a realidade. A preparação para uma luta corpo-a-corpo real não se constrói com técnicas antiquadas ou que dão mais valor ao aspecto estético.  Um guerreiro bem preparado está pronto para enfrentar qualquer tipo de situação em qualquer ambiente. Como pode uma arte marcial autodenominar-se um sistema eficaz e completo quando essa mesma arte marcial impõe limites para a sua prática?

A maior parte dos praticantes de artes marciais nunca sai do conforto de um Tatami ou de um Dojo, acabando por repetir técnicas sempre dentro do mesmo ambiente. Ao fazer isto, eles estão somente a preparar-se para executar aquele tipo de acção apenas num contexto pré-definido. Um dos grandes benefícios de treinar artes marciais em casa ou em outdoors, fora do Dojo, através de um "programa de estudo em casa", é o facto de só se impor os limites que se quer e criar todos os cenários de luta possíveis e imaginários.

O praticante de Ninjutsu Moderno irá treinar e desenvolver em vários aspectos, tanto físicos como mentais. Os praticantes encontrarão em cada aula, cada treino, algo diferente, e ainda vão obter o essencial para o crescimento em direcção a um uso natural da mente, corpo e espírito. Devido à versatilidade do Ninjutsu Moderno, o praticante não fica no tédio a repetir as técnicas, porque irá sempre fazê-lo em contextos diferentes.

Ninjutsu Moderno não é apenas uma combinação de técnicas de várias artes ou sistemas. Apesar de ter um background de técnicas de Ninjutsu, Full Contact Kickboxing, Jiu-Jitsu, Karate e Krav Maga, ultrapassa as limitações destes estilos. Ninjutsu Moderno é o que o Ninjutsu tradicional já foi um dia no Japão Feudal: realístico, práctico, eficaz e até mesmo divertido de aprender. Não há limitações do tipo ter um "murro ninja", que limitam a aprendizagem e criatividade de um verdadeiro guerreiro.  

O verdadeiro guerreiro usa informação, conhecimento, senso comum e compreensão como instrumento para o seu crescimento, não usa nada como uma regra ou limitação. Apesar de se aprender e praticar practicamente todos os aspectos das artes marciais e outras habilidades ou ferramentas, na seguinte lista estão as áreas onde nos focamos mais neste sistema:

  • Flexibilidade e respiração 
  • Condição física 
  • Visualização e meditação 
  • Princípios do combate 
  • Treino de corpo-a-corpo e armas 
  • Ginástica
  • Socos/pontapés 
  • Luta no chão e grappling
  • Estratégias mentais para o sucesso 
  • Controlo da mente e habilidades da memória 
  • Armas e ferramentas de treino naturais e artificiais
  • Treino em todo o tipo de ambiente e situações
  • Uso de objectos do quotidiano para ajudar ou assistir na luta/auto-defesa
  • Invisibilidade
  • Conhecimento geral do mundo e seu funcionamento

O Ninjutsu Moderno não está limitado às linhas de orientação acima descritas.  Fazer uma lista ou rotular o tipo de treino que fazemos vai contra o princípio de não termos limitações. O que está acima é apenas uma indicação ou apresentação do que é o Ninjutsu Moderno. Concluir esta lista é impossível, porque estamos sempre em constante actualização.

Eu acredito que é o homem que faz a arte, e não o contrário. Isto é dizer que, apesar do Karate básico não ser um sistema muito realista de defesa pessoal, não quer dizer que não hajam karatecas bastante eficazes numa luta. Há pessoas que fazem tudo muito bem, não importa qual o estilo em que as ponhamos. Porquê? Porque o praticante é o estilo. 

Os cinturões negros já não são o que eram...

Devido a este sistema não impor limitações, o praticante desenvolve a um ritmo muito mais rápido. Este ritmo de desenvolvimento é normalmente 3 vezes mais rápido que numa escola normal de artes marciais. Um aluno de Karate normalmente vai para a aula e é forçado a comportar-se como o cinto branco, amarelo ou verde que é. Faz coisas de cinto branco, amarelo ou verde. Um praticante de Ninjutsu Moderno escolhe a que nível está. E isto não quer dizer que se comece a construir a casa pelo telhado. Claro que têm que existir bases, mas bases são uma coisa... limitações são outra. Isto é difícil de explicar, mas é um factor muito importante no desenvolvimento do praticante. Claro que isto tem que ter uma quantia considerável de senso comum envolvido... Um principiante não pode começar logo a lutar contra 4 adversários simultaneamente ou a desarmar um indivíduo que lhe aponte uma arma de fogo...

Numa escola tradicional, o aluno leva bastante tempo a desenvolver, precisamente porque está limitado ao seu estilo. No Ninjutsu Moderno, tenta-se evitar isto e faz-se com que o praticante execute desde as técnicas mais básicas às mais complexas, seja em que nível de treino ele se encontre. 

As pessoas podem pensar que o praticante vai aprender coisas sem ter bases, mas não é o caso... Como foi referido acima, não se vai construir uma casa pelo telhado... e o básico será ensinado, sim...  

Outro ponto a trazer à superfície é o realismo. E isto tanto vale para o Ninjutsu como para outras artes marciais. Tentamos manter o realismo no treino. Daí que o praticante não se vai encontrar nunca a fazer parte de uma linha de homens a executar socos directos e a gritar números. Temos treino básico, mas é sempre diferente e flexível. Mantém-se a disciplina sem degradar o estudante. E em vez de alguém lhe ordenar repetidamente que faça isto ou aquilo, ele vai querer fazer por si próprio.

 

Para mim, "realista" é algo simples a este ponto:

  1. De que forma iria alguém dar-lhe um soco, na rua?
  2. Como reagiria ou responderia?

Eu não vejo muita gente na rua dar murros da mesma forma que se ensina na maior parte das escolas de artes marciais tradicionais. Então, temos alunos a praticar defesas contra formas de ataque que não existem, que existiam só na altura em que os guerreiros do Japão Feudal usavam armadura, ou que são improváveis de acontecer. Temos que praticar técnicas e efectuar movimentos que provenham de impulsos, movimentos e reacções naturais.

 
Muitas vezes, até no Ninjutsu Moderno, podem-se ensinar técnicas que não pareçam realistas, mas essas técnicas servem apenas para desenvolver um tipo de soco ou pontapé, não para utilizar em defesa pessoal. E o aluno será logo informado disso. 

Muitos praticantes pensam que ao ser atacados na rua, irão responder com a técnica número 1 ou número 2 para aquele ataque. Este conceito é ridículo e irrealista. Cada ataque é único e cada defesa ou habilidade, também. E tudo o que treinamos são peças de um puzzle enorme. Nunca sabemos qual técnica iremos usar em caso de ataque. Iremos sim utilizar o treino e adaptar à situação em si.  
 
Temos que nos mentalizar de que um atacante não vai atacar com um soco e esperar que nos defendamos.

O atacante não vai também "congelar" com o braço esticado (como se vê em muitas escolas) e ficar naquela posição enquanto dançamos a "dança da morte" à volta dele...

A maioria das escolas ensinam uma estratégia de defesa tipo "1-2". Na rua, a adrenalina corre a sério, e gostemos ou não, dar um golpe no pulso do agressor ou mesmo enfiar-lhe um dedo num olho, vai apenas interromper um padrão de movimento, não vai acabar com a luta. É apenas um meio para ajudar a neutralizar o ataque e permitir que se faça algo mais a seguir, como uma técnica que provoque o K.O. do adversário, uma imobilização ou um estrangulamento. Há pessoas que podem ser pontapeadas nas partes baixas e nem sequer dão conta, no momento... É por isto que o treino realista é tão importante. Muitos praticantes de artes marcias pensam que se sabem defender porque é o que fazem nas aulas... Contudo, nas aulas, o adversário é ensinado a ir ao chão sem luta. 

Não digo que devemos dificultar o treino fazendo força para não cair ou atacando de maneira diferente ao que está a ser ensinado. Aliás, no treino não podemos mesmo pontapear um adversário nas partes baixas... Mas, PODEMOS oferecer um pouco de resistência ao companheiro de treino e respostas naturais ao que ele está a executar, sem dificultar demasiado, para não prejudicar o treino. Temos que aprender a esperar o inesperado e a executar as técnicas, seja em que circunstância for.

Em Ninjutsu Moderno, não há graduações. Cada praticante está ao seu próprio nível. Espera-se apenas que faça o melhor de si mesmo. Assim, qualquer um, independentemente da sua idade, sexo, condição, profissão, etc. pode ser praticante. E é esse o objectivo. 

A meta é o desenvolvimento do corpo, da mente e do espírito, não é obter graduações, cores de cintos ou títulos.

Ninjutsu não é apenas uma forma de luta. É uma ciência, uma forma de vida.

Este Ninjutsu não tem muito a ver com aquela imagem dos filmes, do homenzinho que atravessa paredes, anda sobre a água, voa e se transforma numa ave durante a fuga... E poderemos ver até mesmo neste site alguém vestido de uniforme preto e de cara tapada, pois considero esta a melhor maneira de caracterizar o Ninjutsu Moderno (aliando velhas tradições válidas e eficazes com conceitos modernos), mas isso é apenas uma parte do que o um ninja realmente é. Um verdadeiro ninja não fazia ou faz apenas missões nocturnas completamente vestido de preto. Isso é apenas a parte do Ninjutsu com mais "estilo" para usar nos filmes...

Este Ninjutsu procura desenvolver o conceito real, completo e original de "Ninja"... um verdadeiro guerreiro, cujas habilidades vão muito para além de "ser invisível" e "lutar como um demónio".

Qualquer um pode ter um diploma ou um certificado, e muitos instrutores de artes marciais os entregam hoje em dia. Mas nem todos praticam de uma forma realista e eficaz para o que interessa.

O Ninjutsu Moderno é para quem quer deixar as políticas, exames pagos a peso de ouro e as graduações de lado... É para treinar e desenvolver a sério.

 

Back

Criar um Site Grátis   |   Create a Free Website Denunciar  |  Publicidade  |  Sites Grátis no Comunidades.net